Soncent

Soncent

sexta-feira, 10 de março de 2006

Guiné Bissau - Relato de viagem

24 horas em Bissau para conhecer amigos que nos viram em bebés, ver, cheirar e comprar... Bissau mantém a beleza de uma idosa em que distinguimos os traços de outrora mas não conseguimos deixar de lamentar as rugas. No caso de Bissau, as ruas esburacadas, a falta de electricidade, a decadência dos edifícos. Na mesma, vale à pena lá ir, lavar os olhos com o verde, conhecer a simpatia das pessoas, comer ostras e camarão com sumo de limão e malagueta, comprar tecidos e objectos de artesanato. E muitas mais coisas.

3 comentários:

Nadia disse...

Nao podias ter dado uma descricao melhor. Ando ca a tentar descobrir o que me fez adorar esta capital mesmo sendo ela uma "idosa cheia de rugas". Nao sei se foram as pessoas, ou por finalmente ter estado no lugar em que ouvi historias a minha vida inteira. Tipo entrar dentro de uma cidade num conto de fadas - verdadeiramente magico!!

Anónimo disse...

És a Eileen da Escola Superior de Gestão, Hotelaria e Turismo (ESGHT)Algarve... que tinha a opção francês...?Sendo ou não gostei blog!
Ana

Sid from Amherst Massachusetts disse...

Hello Ms.
Thanks for the description of your trip. As someone who lived there for 12 years, it is always good to hear news from a former homeland. Guine Bissau will always be beautiful in all of us who lived there. The memories are incredible. My brother Temistocles is on his way there as I type this. I will be looking forward to his accounts. Stay sweet. I'm out from the USA.